Joseense Angelica Rodrigues brilha na prova de lançamento de martelo

Por: Share:
Angelica Carregosa Rodrigues coleciona títulos no lançamento de martelo, modalidade de prova do atletismo. (Foto: Tião Martins/PMSJC)
Angelica Carregosa Rodrigues coleciona títulos no lançamento de martelo, modalidade de prova do atletismo. (Foto: Tião Martins/PMSJC)

Faz três anos que São José dos Campos tem uma promessa para o atletismo brasileiro. Angelica Carregosa Rodrigues, de 14 anos, é integrante do programa Atleta Cidadão e atual campeã brasileira do lançamento de martelo, na categoria mirim. Ela sempre gostou de vôlei, até tentou uma vaga nas categorias de base e quase não foi para a modalidade mais antiga das olimpíadas, na qual conquistou destaque nacional.

Angelica praticava vôlei desde os oito anos na escolinha comunitária da Secretaria de Esportes e Lazer no bairro Cidade Jardim. Participou da seletiva do Atleta Cidadão e passou. “Ela só não seguiu na modalidade, porque o horário de treino era o mesmo da escola, então não foi possível”, afirmou Márcia Carregosa, mãe da atleta.

Com a impossibilidade de conciliar os estudos e os treinos de vôlei, Angelica acabou sendo levada pela mãe a participar de uma seletiva para outra modalidade: o atletismo. “Como ela não conseguiu ficar no vôlei, eu a levei para tentar o atletismo, foi amarrada, mas fez a seletiva e passou”, contou a mãe.

A jovem atleta acabou se apaixonando pelo novo esporte. “Mesmo com a preferência pelo vôlei, minha mãe me levou para a seletiva do atletismo, que eu nem gostava, mas que agora gosto, e muito”, disse.

Moradora do Jardim Satélite, Angelica é a terceira melhor atleta nacional da categoria Menor e a melhor do estado de São Paulo e do Brasil na categoria Mirim. Somente neste ano ganhou três títulos: o Campeonato Brasileiro Mirim, o Estadual Mirim e o Estadual Menor, além de uma medalha de prata nos Jogos Escolares.

Angelica e o técnico Everton Ribeiro. (Foto: Tião Martins/PMSJC)
Angelica e o técnico Everton Ribeiro. (Foto: Tião Martins/PMSJC)

Para o técnico Everton Ribeiro, a atleta é um talento que tende a crescer a cada ano. “Desde os primeiros treinamentos, ela demonstrava aptidão para essa modalidade. Somente neste ano ela já melhorou em oito metros a marca do ano passado”, disse o técnico.

publicidade

Everton Ribeiro explicou que o trabalho desenvolvido no Atleta Cidadão é conjunto, unindo o técnico, a psicóloga, a família e principalmente o atleta, que deve mostrar vontade. “Isso Angelica tem de sobra e é essa vontade que fará ela se desenvolver muito mais”, elogiou o treinador”, afirmou.

Angelica sonha participar de uma Olimpíada, e para isso ela recebe apoio de peso. Andressa Morais, da Seleção Brasileira de Atletismo, é esposa do técnico Everton, e acompanha de perto alguns treinos da joseense.

“Minha meta é ir batendo meus recordes a cada ano e disputar os jogos olímpicos de 2020. Quero ser como a Andressa, que é campeã brasileira de arremesso de disco e vai disputar as Olimpíadas em 2016. Eu quero conseguir fazer uma carreira igual”, afirmou Angelica.

Para a mãe Marcia Carregosa, ver a filha nas competições é motivo de orgulho. “Queremos sempre que os filhos sejam doutores, mas ao ver minha filha no caminho do bem, feliz, com nosso apoio e da Prefeitura, nós só temos a agradecer, o programa Atleta Cidadão dá oportunidade de crescimento para o jovem, além da chance de sair das fronteiras regionais e ir para competições nacionais.”

A próxima competição de Angelica será no dia 22 de novembro, quando será realizada a final do circuito por equipes, da Federação Paulista de Atletismo.