Brasil é campeão pela décima vez do Grand Prix de Vôlei feminino

Por: Share:
Meninas do Brasil comemoram a conquista de mais um título no Grand Prix. (Foto: Divulgação/FIVB)
Meninas do Brasil comemoram a conquista de mais um título no Grand Prix. (Foto: Divulgação/FIVB)

A seleção brasileira feminina de vôlei é campeã do Grand Prix pela décima vez. Neste domingo (24), o Brasil venceu o Japão por 3 sets a 0 (25/15, 25/18 e 27/25), no Ariake Collesium, em Tóquio, no Japão. Nem mesmo uma barulhenta torcida nipônica foi capaz de parar o time verde e amarelo. As atuais campeãs olímpicas disputaram 14 partidas e perderam apenas uma para alcançarem o inédito décimo triunfo. As japonesas ficaram em segundo lugar e a Rússia na terceira posição.

publicidade

O JOGO
A partida começou equilibrada. Bem nas bolas de velocidade, as brasileiras foram para a primeira parada técnica com três de vantagem (8/5). As centrais eram eficientes e o Brasil fez 12/8. Com um erro do Japão, a diferença no marcador subiu para seis (17/11). A ponteira Fernanda Garay conseguiu um ponto de ataque pelo fundo e o time verde e amarelo fechou o primeiro set por 25/15.

O Brasil seguiu pressionando o Japão no saque e no bloqueio e fez 5/1. Depois de um longo rally, as brasileiras abriram cinco (11/6) e o técnico japonês pediu tempo. Com uma boa sequência de saques da ponteira Saori Kimura, o Japão encostou (13/11) e, foi a vez do treinador brasileiro, José Roberto Guimarães, pedir tempo. O jogo ficou equilibrado. A ponteira Jaqueline cresceu de produção e as atuais campeãs olímpicas fizeram 16/13. Neste momento, as brasileiras voltaram a dominar o marcador e venceram a segunda parcial por 25/18.

O Japão voltou melhor para o terceiro set e fez 4/2. A central Fabiana seguiu bem nas bolas de velocidades e o Brasil virou o marcador (6/5). O time nipônica passou a sacar e defender melhor e abriu três (10/7). Bem no bloqueio, o Brasil reagiu e virou o placar (17/14). Com uma boa sequência de saques, o time da casa empatou (17/17). As brasileiras seguraram a reação nipônica e venceram o terceiro set por 27/25 e o jogo por 3 sets a 0.

EQUIPES

BRASIL – Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Thaísa e Fabiana. Líbero – Camila Brait
Entraram: Monique,
Técnico: José Roberto Guimarães

JAPÃO – Haruka, Nagaoka, Saori Kimura, Ishii, Shinnabe e Ono. Líbero – Yuko Sano
Entraram: Ishida, Nakamishi, Ebata e Takada
Técnico – Manabe Masayoshi

JOGOS DO BRASIL NA FASE DECISIVA
(20.08) – Brasil 2 x 3 Turquia, (18/25, 23/25, 25/21, 25/19 e 15/12)
(21.08) – Brasil 3 x 0 China (25/23, 25/20 e 25/21)
(22.08) – Brasil 3 x 0 Bélgica (25/10, 25/12 e 25/12)
(23.08) – Brasil 3 x 0 Rússia (25/12, 25/21 e 25/20)
(24.08) – Brasil 3 x 0 Japão, (25/15, 25/18 e 27/25)

CAMPANHA DO BRASIL NA EDIÇÃO 2014
(01.08) – Brasil 3 x 1 China (25/21, 23/25, 25/17 e 25/16)
(02.08) – Brasil 3 x 0 Itália (25/21, 25/16 e 25/15)
(03.08) – Brasil 3 x 0 República Dominicana (26/24, 25/19 e 25/18)
(08.08) – Brasil 3 x 0 Coreia do Sul (25/16, 25/12 e 25/15)
(09.08) – Brasil 3 x 0 Rússia (25/15, 25/21 e 25/17)
(10.08) – Brasil 3 x 0 Estados Unidos (25/20, 25/22 e 29/27)
(15.08) – Brasil 3 x 2 Estados Unidos (29/31, 22/25, 25/22, 25/19 e 15/9)
(16.08) – Brasil 3 x 0 República Dominicana – (25/19, 25/11 e 29/27)
(17.08) – Brasil 3 x 0 Tailândia – (25/15, 25/18 e 25/17)