Ciclismo

Pedro Nicácio e Ana Polegatch são campeões Brasileiro de contrarrelógio

Campeonato Brasileiro de Ciclismo acontece até domingo em São Carlos




Nicácio durante a prova que lhe rendeu o quarto título brasileiro de CRI. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Nicácio durante a prova que lhe rendeu o quarto título brasileiro de CRI. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

O distrito de Água Vermelha, em São Carlos, foi palco, na manhã desta sexta-feira (27), da prova de contrarrelógio individual do Campeonato Brasileiro de Ciclismo. Os melhores atletas do país estiveram reunidos para saber quem ficaria com o título da competição em 2014.

VÍDEO MOSTRANDO A CONQUISTA DO TÍTULO DE NICÁCIO

⇒ Veja a galeria de fotos da prova

Dentro os homens da categoria Elite, o grande campeão foi Pedro Nicácio, da equipe de São José dos Campos. O atleta percorreu os 32 km da prova em 43min10 e faturou o título da competição mais uma vez, sagrando tetracampeão do Campeonato Brasileiro de Contrarrelógio. Ele já havia vencido em 2005, 2006 e 2007.

Pedro Nicácio com a camiseta de campeão brasileiro de contrarrelógio de 2014. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Pedro Nicácio com a camiseta de campeão brasileiro de contrarrelógio de 2014. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

“Fiz uma preparação muito boa para esta boa. Acordei confiante e coloquei em prática tudo aquilo que eu tinha treinado e deu certo. Estou muito feliz com o resultado. Agradeço aos técnicos, aos mecânicos e a todos aqueles que contribuíram para esta conquista”, disse Nicácio.

Pódio do CRI. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Pódio do CRI. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

O segundo lugar ficou com Rodrigo do Nascimento, de Ribeirão Preto, com o tempo de 39min35 e o terceiro foi para Luis Carlos Tavares, com 40min23.

No Sub23 masculino, o primeiro lugar ficou com Joel Cândido Júnior, da Memorial/Santos, com 42min03; o segundo foi para Áquila Roux, do Clube Dataro de Ciclismo, com 42min25 e o terceiro lugar ficou com Endrigo Pereira, também da Memorial/Santos.

SURGE UMA NOVA CAMPEÃ NO CONTRARRELÓGIO FEMININO
A grande supresa da prova feminina, chama-se Ana Paula Polegatch. A atleta da equipe de Santos desbancou as favoritas ao título e sagrou-se campeã pela primeira vez em sua carreira do Brasileiro de contrarrelógio.

Ana Paula Polegatch conquista o título brasileiro de CRI pela primeira vez. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Ana Paula Polegatch conquista o título brasileiro de CRI pela primeira vez. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Polegatch percorreu os 17,2 km da prova em 23min47. “Foi uma surpresa muito boa. Este ano consegui treinar com uma bike própria e deu este resultado maravilho. Estou muito feliz”, disse a atleta da equipe de Santos.

O segundo lugar ficou com Clemilda Fernandes, com 23min57 e o terceiro lugar no pódio foi ocupado por Janildes Fernandes, com 24min13.

Pódio feminino. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

Pódio feminino. (Foto: Luis Claudio Antunes/PortalR3)

No Sub23, vitória de Viviane Cristina Santos, de Araçatuba, com 28min10. Victória Remaili, que correu avulsa, ficou com o segundo lugar, com 28min20 e o terceiro lugar no pódio foi para Nayara Gomes Ramos, também de Araçatuba, com 28min35.

PROVA DE ESTRADA
Amanhã (27), acontecerá a prova de Estrada para as meninas da categoria Elite e Sub23. Serão 12 voltas no percurso de 8,5 km, em um circuito montado no parque Damha, totalizando 102 km.