Carros & Motos

Volkswagen do Brasil investe R$ 1,2 bilhão na unidade de Taubaté




O investimento aplicado na fábrica do interior de São Paulo faz parte do cronograma de investimentos no Brasil, até o ano de 2016, da ordem de R$ 9,2 bilhões. (Foto: divulgação)

O investimento aplicado na fábrica do interior de São Paulo faz parte do cronograma de investimentos no Brasil, até o ano de 2016, da ordem de R$ 9,2 bilhões. (Foto: divulgação)

A Volkswagen do Brasil investiu R$ 1,2 bilhão em tecnologias de processo produtivo inovadoras com foco em proteção ambiental, além de qualificação profissional dos empregados, para a implantação da nova linha de produção do Volkswagen up! na unidade de Taubaté. O aporte aplicado na fábrica do interior de São Paulo faz parte do cronograma de investimentos no Brasil, até o ano de 2016, da ordem de R$ 9,2 bilhões.

publicidade

Entre as inovações, a fábrica recebeu duas novas linhas de prensas, 296 robôs de última geração na área de Armação, uma nova unidade de Pintura que alia equipamentos e processos de alto rendimento e baixo consumo energético, implantação de 25 novos conjuntos de equipamentos na Montagem Final, novos equipamentos de alta precisão para aferição dos veículos e certificação dos padrões de qualidade, além da construção de três centros de treinamento em linha com o modelo global do Grupo Volkswagen.

“O Brasil é um dos principais mercados mundiais do Grupo Volkswagen, com potencial de crescimento para os próximos anos e, por isso decidimos pela modernização tecnológica da fábrica de Taubaté para a produção do up!, que já é um modelo de sucesso da Volkswagen na Europa e chega ao Brasil para marcar o início de uma nova era para a marca no País, conciliando desempenho, economia de combustível, segurança, conforto e recursos de entretenimento para os ocupantes”, declara o presidente da Volkswagen do Brasil, Thomas Schmall.

Para Schmall, os investimentos na unidade de Taubaté em alta tecnologia, com foco nos princípios da sustentabilidade, equiparando a fábrica às linhas mais avançadas do Grupo Volkswagen no mundo, fazem parte do processo de globalização tecnológica da Volkswagen do Brasil para a evolução de seus produtos e processos produtivos.

O diretor da fábrica da Volkswagen do Brasil em Taubaté, Marcos Aparecido Ruza, destaca que o início da produção do up! em Taubaté representa uma nova fase de inovações tecnológicas e desafios para a unidade. “A história da fábrica de Taubaté sempre foi marcada por muitos desafios e grandes responsabilidades, como o início da produção do Gol na década de 1980, que se tornou um dos maiores ícones da Volkswagen do Brasil. Assim, com os investimentos aplicados para a produção do up!, a unidade está pronta para fazer mais um carro de sucesso no mercado brasileiro”, afirma.

Com mais de 5 mil colaboradores, a fábrica de Taubaté também é responsável pela produção dos modelos Novo Gol e Novo Voyage, mas ao longo de seus 38 anos de operação já produziu os modelos Passat, Saveiro, Parati e Voyage, além de todas as gerações do Gol.

A área exclusiva para produção do up! contempla uma nova geração de 296 robôs de alta precisão e tecnologias como solda a laser, sistemas de medição de conjuntos soldados e monitoramento dos pontos de solda. (Foto: Divulgação)

A área exclusiva para produção do up! contempla uma nova geração de 296 robôs de alta precisão e tecnologias como solda a laser, sistemas de medição de conjuntos soldados e monitoramento dos pontos de solda. (Foto: Divulgação)

Sustentabilidade na fábrica de Taubaté
Não é de hoje que a fábrica da Volkswagen em Taubaté tem foco na sustentabilidade. Desde 2002, a unidade conta com a certificação ambiental ISO 14.001. A fábrica foi a primeira produtora de veículos da Volkswagen do Brasil a receber o certificado pela DQS (Deutsche Gesellschaft zur Zertifizierung von Managementsystemen), que é a Associação Alemã para Certificação de Sistemas de Gestão. Com a certificação, o processo produtivo da fábrica passa por constantes avaliações, com o objetivo de identificar e aproveitar todas as oportunidades de redução do impacto ambiental, incluindo o consumo de recursos hídricos.

Na última década, graças ao sistema de reaproveitamento de água industrial, que recupera e reutiliza 30% da água usada em suas instalações, a fábrica reutilizou cerca de 3,3 bilhões de litros de água.

A quantidade de água reciclada pela Volkswagen em Taubaté equivale ao consumo de aproximadamente 47.659 pessoas por ano, considerando o consumo médio de água por habitante na região Sudeste, de 189,7 litros por dia, segundo dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento, do Ministério das Cidades. Dessa forma, a quantidade economizada seria capaz de abastecer por um ano uma cidade como Tremembé (localizada a 12 km de Taubaté), que tem quase 44 mil habitantes.