Magno Nazaret sagra-se campeão do Tour do Brasil de Ciclismo

Por: Share:
Magno ergue o troféu de campeão da Volta Ciclística de São Paulo

O ciclista Magno Prado Nazaret, do Team Funvic Pindamonhangaba, sagrou-se campeão da 9ª edição da Volta Ciclística – Tour do Brasil – que terminou neste domingo (21), em São Paulo.

Nazaret, que vinha liderando a competição desde a terceira etapa da competição, precisou apenas terminar a etapa de 66 km deste domingo, entre Jundiaí e São Paulo, para confirmar a vitória no geral individual e festejar seu primeiro título da Volta de São Paulo.

O segundo lugar ficou com Flávio Cardoso, também de Pindamonhangaba e Antoelson Dornelles (Ribeirão Preto), foi o terceiro. O pódio individual ainda teve Renato Seabra, da Dataro, e Gregolry Panizo, outro ciclista de Pindamonhangaba.

Pódio individual. Pindamonhangaba colocou três atletas entre os cinco melhores da competição

Com o domínio completo no individual, colocando três ciclistas entre os cinco primeiros colocados, Pindamonhangaba também venceu entre as equipes e chegou ao bicampeonato na competição.

A Real Cycling Team (Sorocaba), ficou com o segundo lugar e Ribeirão Preto fechou o pódio das equipes na terceira colocação.

Na meta volante, o ciclista Marcos Crespo, de São José dos Campos, sagrou-se campeão e na montanha, o título ficou com Cristian Egídio (Ribeirão Preto).

Pódio com as três equipes melhores colocadas nesta edição da Volta. Ao centro, Pindamonhangaba, que chegou ao bicampeonato na competição

Campeõe da última etapa
Na última etapa, entre Jundiaí e São Paulo, que teve 66 km, a vitória ficou com Francisco Chamorro, da Real Cycling Team. Michel Garcia (Ribeirão Preto), ficou com o segundo lugar e, Roberto Pinheiro, de Pindamonhangaba, foi o terceiro colocado.

Confira a galeria fotográfica – 1

Confira a galeria fotográfica – 2

Camisa Amarela em destaque
Esta é a segunda competição importante que Magno Nazaret vence neste ano. Em março ele já havia sido campeão da Volta Ciclística do Uruguai.

O atleta que em 2003, depois de pouco mais de uma ano pedalando, sagrou-se campeão brasileiro de contrarrelógio júnior, vem traçando sua história ao longo dos anos com várias conquistas importantes e títulos de renome nacional e internacional.

Todo de amarelo, Magno virou uma referência dentro do pelotão para as lentes de fotógrafos e cinegrafistas

No sábado (20), após a etapa de montanha, conversei com Nazaret, que nos contou alguns fatos que já marcaram sua carreira.

Sobre as competições mais importante, Magno frizou o título da Volta do Uruguai deste ano e a possível conquista do título da Volta de São Paulo 2012.

“Algumas competições nos dão mais visibilidade. Posso destacar o título da Volta do Uruguai e também o Tour de São Luis (Argentina), onde fiquei entre os top 10 da competição [terminou em 6º lugar na geral], ao lado de grandes nomes do ciclismo mundial”. O título desta Volta também será de grande importância. Já demos um grande passo, mas ainda falta a última etapa, só daí podemos comemorar”, disse.

Magno é escoltado por Flávio Santos, na subida da Serra de Campos do Jordão

Considerados um dos grandes nomes do ciclismo brasileiro, Nazaret também faz sua história na seleçao brasileira, onde por diversas vezes já representou o Brasil. A participaçã mais recente foi nas Olimpíadas deste ano disputada em Londres.

Sobre a seleção, perguntei a ele se lembrava quando tinha sido convocado pela primeira vez para defender o Brasil.

“Sim, claro. Foi em 2005 para o Mundial da Espanha, disputado em Madrid. Fomos convocados, eu, o Tiago Fiorilli e o Breno Sidoti [atualmente os dois são companheiros de equipe de Magno], todos na Sub23. Fiquei muito feliz por estar sendo chamado para defender o Brasil e ainda por estar ao lado do Tiago e do Breno, que já estavam em evidência no Brasil. Foi legal demais”, completou Magno.

Ciclistas de Pindamonhangaba à frente do pelotão protegendo o camisa amarela

Sobre a mais importante conquista na seleção, Magno destacou o Panamericano de 2006. “Sem dúvida foi o Sulamericano de 2006, onde fui campeão na Sub23 e ainda fiquei em segundo na elite. Foi muito bom para mim, pois pude mostrar meu valor aos técnicos e a CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo), que segue me convocando para representar o Brasil”.

Assim, o atleta vai fazendo sua história no ciclismo brasileiro. Para finalizar, perguntei ao Magno, o que ele queria para fechar com chave de ouro a temporada de 2012.

“Bom, sem querer pedir muito para Deus, gostaria de terminar esta edição da Volta de São Paulo como campeão”, finalizou Magno Nazaret.

Magno Nazaret durante a prova de contrarrelógio. Foi nesta etapa que ele assumiu a liderança da competição e a manteve até o fim

Um dia depois deste papo com Nazaret, o seu desejo se realizou. Ele que disputou pela primeira vez a Volta Ciclística de São Paulo em 2005, chegou em 2012 ao seu primeiro título da competição e assim escreveu mais um trecho de sua história no livro do ciclismo do Brasil.

Campeão indiscutível
O título conquistado por Magno Nazaret nesta 9ª edição do Tour do Brasil de Ciclismo começou a ser moldado na terceira etapa da competição e foi conquistado de forma indiscutível, com méritos para toda a sua equipe, passando pelo pessoal do staff, direção e todos os atletas.

Veja como foi a vitória de Magno no contrarrelógio

Em São Carlos, Nazaret mostrou que atualmente é um dos melhores, senão o melhor, contrarrelogista do Brasil. Na prova que teve de 23 km, ele cravou 28min41s557, conquistou o primeiro lugar na prova e assumiu a liderança geral do Tour.

Depois disso, Magno foi bravamente protegido pelos demais atletas de Pindamonhangaba – Flávio Santos, Gregolry Panizo, Pedro Nicácio, Tiago Fiorilli, Roberto Pinheiro, Antônio Nascimento e Otávio Bulgarelli – até a etapa de montanha.

Magno Prado Nazaret, campeão da Volta Ciclística de São Paulo em 2012

Na subida da serra de Campos do Jordão, Magno foi outra vez escoltado, agora pelos montanhistas da equipe, até o topo.

No fim da etapa, Magno arrancou e cruzou a linha de chegada em segundo, colocação definida somente no foto-finish. Com o resultado, ele praticamente assegurou o título da Volta, mas ainda faltava a etapa deste domingo.

Não diferente dos outros dias, Nazaret foi escoltado pelos demais integrantes da equipe durante toda a última etapa, terminando no meio do pelotão, resultado que lhe garantiu o primeiro título da Volta Ciclística de São Paulo.

Equipe brinda ao sucesso alçando na edição 2012 da Volta de São Paulo

Confira os principais títulos do atleta

2012 – Team Funvic Pindamonhangaba
1º – Classificação Geral da Volta Ciclística do Estado de São Paulo – Tour do Brasil
2º – Etapa de Montanha da Volta Ciclística de São Paulo
1º – CRI da Volta Ciclística de São Paulo
6º – CRI da Volta a Portugal
1º – Classificação Geral da Vuelta al Uruguay
2º – Campeonato Pan-Americano CRI
6º – Classificação geral do Tour de San Luis

2011 – Team Funvic Pindamonhangaba
1º – Campeonato Brasileiro de CRI
1º – Etapa 4 do Tour do Rio

2010 – Equipe São José dos Campos
2º – Classificação Geral da Rutas de América
3º – Campeonato Brasileiro de CRI
3º – Campeonato Brasileiro de Resistência
2º – Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo

2009 – Team Funvic Pindamonhangaba
4º – Classificação Geral da Vuelta del Uruguay
5º – Classificação Geral do Tour de Santa Catarina
3º – Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo

2008 – Equipe São José dos Campos
5º – Classificação Geral do Tour de San Luis
1º – Classificação de Jovens (Sub-25)
3º – Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo

2007 – Equipe São José dos Campos
2º – Classificação Geral da Vuelta por un Chile Líder
3º – Classificação Geral da Volta do Rio de Janeiro

2006 – Equipe São José dos Campos
3º – Classificação Geral da Volta de Porto Alegre
7º – Classificação Geral da Volta Ciclística de São Paulo
6º – Classificação Geral da Volta do Paraná
2º – Campeonato Pan-Americano CRI
3º – Campeonato Brasileiro de CRI
4º – Tour de Santa Catarina

2005 – Equipes de São Caetano e São José dos Campos
3º – Campeonato Brasileiro de Ciclismo CRI Sub-23
5º – CRI Volta Ciclística de São Paulo

2003 – Equipe Gilmar Bicicletas
1º – Campeonato Brasileiro de Ciclismo CRI Júnior

Veja também

3 Comentários

  1. Parabéns, Magno! Nós somos seus fãs aqui na Gilmar Bicicletas. Segue firme.

    Amigos do site, uma errata: A equipe em 2003 foi a Gilmar Bicicletas e não Jumar e o título foi o 1º – Campeonato Brasileiro de Ciclismo CRI Junior.
    Parabéns pelo site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *